4ª VARA CÍVEL DE BAURU/SP
ModalidadeOnline
Local do leilãoSomente online pelo site: www.lanceja.com.br
Leiloeiro(a)Cristiane Borguetti Moraes Lopes
1º Leilão
ABERTURAFECHAMENTOSTATUS
28/10/2019 14:0031/10/2019 14:00Encerrado
2º Leilão
ABERTURAFECHAMENTOSTATUS
31/10/2019 14:0121/11/2019 14:00Encerrado
Comunicado importante

4ª VARA CÍVEL DO FORO DA COMARCA DE BAURU/SP

ADMILSON DIAS SOARES  E ÉRICA PATRICIA DE ALMEIDA SOARES  X ROSANA MONTEBUGNOLI PIMENTEL DA SILVA E APARECIDO JONIR PIMENTEL DA SILVA.

Processo nº 0026360-26.2018.8.26.0071

LEILÃO ELETRÔNICO NOS TERMOS DO CPC E NO PROVIMENTO  CSM nº 1625/2009 e art. 250  E LEGISLAÇÃO EM VIGOR, EXCLUSIVAMENTE PELO SITE LANCEJA.COM.BR

IMPORTANTE PARA A PARTICIPAÇÃO DO LEILÃO ONLINE 

Para efetuar lances o interessado em participar do leilão deverá enviar para o endereço: Rua Vinte e Quatro de Fevereiro, 73 - Jardim Olavo Bilac - São Bernardo do Campo/SP - CEP 09725-820, a seguinte documentação: 

- Pessoa física: RG, CPF e comprovante de residência, e via original de Termo de Adesão, assinado e com firma reconhecida em cartório.

 - Pessoa jurídica: contrato social com a última alteração, cartão CNPJ, RG e CPF do responsável pela empresa, e via original de Termo de Adesão, assinado e com firma reconhecida em cartório.

 Somente após conferência da documentação enviada para a Lance Já e aceite das Condições do site, o interessado será habilitado a enviar lances.

 Os lanços ofertados são irrevogáveis e irretratáveis. O interessado é responsável por todas as ofertas efetuadas em seu nome, sendo certo que os lanços não poderão ser anulados e/ou cancelados em hipótese alguma.

 PARA CADA LEILÃO É NECESSÁRIO UM NOVO PEDIDO DE HABILITAÇÃO

 VISITAÇÃO AGENDAR NO ESCRITÓRIO DA LEILOEIRA OFICIAL

 O VALOR DO INCREMENTO É DEFINIDO PELA LEILOEIRA E PODE SER ALTERADO POR ELA NO DECORRER DO LEILÃO.

OBS: Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito as penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

CASA C/ 78,11 m² de Á.C. e 218,92 m² de Á.T., 3 Dorm. - Novo Jardim Pagani, BAURU/SP

Sem licitante

Lote 001:CASA C/ 78,11 m² de Á.C. e 218,92 m² de Á.T., 3 Dorm. - Novo Jardim Pagani, BAURU/SP

Valores atualizados

AvaliaçãoR$ 356.161,16
Lance InicialR$ 213.696,70
IncrementoR$ 5.000,00

Resultado parcial

Maior lanceR$ —
Usuário
Visitas1443

LOTE ÚNICO: Bem imóvel vendido na integralidade nos termos do despacho proferido pelo MM. Juízo, a saber: - IMÓVEL  –situado à Rua Marieta Mamprim dos Santos, nº 1-222, Bauru/SP, conforme transcrição da matrícula o quanto segue: –UMA CASAresidencial do tipo pré moldado, com 78,11 m² de construção, sob nº 1-222 da rua X (dez),contendo sala, circulação, banheiro, copa-cozinha, área de serviço e 3 dormitórios, e seu respectivo terreno correspondente ao lote “17”, da quadra “XI”, do loteamento denominado “Novo Jardim Pagani”, nesta cidade de Bauru-SP, cadastrado na Prefeitura Municipal sob nº 4/814/17, com a área de 218,92 m²,medindo 10,40 metros de frente e de fundos, por 21,05 metros de cada lado, da frente aos fundos, confrontando pela frente com a citada rua X; de um lado com o lote 18; de outro com o play lot XIV; e nos fundos com o lote 34. Através de pesquisa efetuada no junto ao site da Prefeitura do Município de Bauru, o imóvelpossui débitos de IPTUdo Exercício de 2017, 2018 e 2019 no valor atualizado até 16/09/2019 de R$ 1.782,47.Matrícula nº 80.638 do 2º Oficial de Registro de Imóveis de Bauru/SP.Ônus/Observações:- Av. 01para constar que  a via pública teve sua denominação alterada para “Rua Marieta Mamprim dos Santos”;  -R.02 –para constarFormal de Partilha– processo nº 3470/98 da 4ª Vara Civel do Foro da Comarca de Bauru/SP, dos bens deixados por falecimentode ANTONIO MONTEBUGNOLI, o imóvel objeto desta matrícula foi atribuído nas seguintes proporções:A)uma parte ideal correspondente a 50% do mesmo à viúva meeira EMILIA LUIZA BELGO MONTEBUGNOLI,CPF nº 215.945.208-44;eB)uma parte ideal correspondente a 16,66666% do mesmo, à cada um dos três herdeiros filhos a seguir nomeados e qualificados:b-1)ROSANA MONTEBUGNOLI PIMENTEL DA SILVA, CPF nº 047.248.668-37, casada no regime da comunhão parcial de bens com APARECIDO JONIR PIMENTEL DA SILVA, CPF nº 164.330.091-15;b-2)PAULO CESAR MONTEBUGNOLI,solteiro,CPF nº 278.068.788-66; eb-3)ANTONIO MONTEBUGNOLI JÚNIOR,CPF nº 015.820.778-51, casado no regime da separação de bens com MÔNICA DE OLIVEIRA MARTINS MONTEBUGNOLI, CPF nº 074.081.188-6; -R.03 –para constarDOAÇÃOque EMILIA LUIZA BELGO MONTEBUGNOLI; PAULO CESAR MONTEBUGNOLI; e ANTONIO MONTEBUGNOLI JÚNIOR casado com MÔNICA DE OLIVEIRA MARTINS MONTEBUGNOLI, as partes ideais que detinham e que somam 83,33% do imóvel gratuitamente, aos condôminosROSANA MONTEBUGNOLI PIMENTEL DA SILVAe seu maridoAPARECIDO JONIR PIMENTEL DA SILVA(que passaram a ser titulares da totalidade do imóvel); -AV.04/05 –para constarineficaz a alienação da parte ideal correspondente a 16,66% do imóvel,extraída dos autos da ação civil nº 071.01.2003.019272-1/1, Ordem nº 2454-2003/1 da 3ª Vara Cível de Bauru-SP, objeto da R.03; R.08 –para constarADJUDICAÇÃOda parte ideal correspondente a 16,66% do imóvel, extraída dos autos da ação nº 0046348-19.2007.8.26.0071 em trâmite na 3ª Vara Cível da Comarca de Bauru-SP em favor do exequente Admilson Dias Soares, casado Erica Patrícia de Almeida Soares, já qualificados;AV.10– para constar PENHORA exequenda sobre a parte ideal correspondente a 83,34% do imóvel, nos autos deste processo;O Imóvel pode estar ocupado de coisas e/ou pessoas, sendo a desocupação por conta do arrematante. Há co-prorpietário no montante de 16,66% nos termos da adjudicação já elencada em favor do(s) exequente(s).Sendo os bens imóveis indivisíveis, serão vendidos na integralidade resguardando-se a(s) quota(s) parte(s), do cônjuge alheio/coproprietário(s), nostermos do art. 843 do CPC.  Depositário(s):Os executados. Venda “Ad Corpus” e no estado em que se encontra. Avaliação do bem na integralidade de 350.000,00 (trezentos e cinquenta mil reais), março/2019.

AVALIAÇÃO ATUALIZADA DE R$ 356.161,16(trezentos e cinquenta e seis mil, cento e sessenta e um reais e dezesseis centavos), setembro/2019pela Tabela Pratica do TJ/SP. 

Reservamo-nos o direito a correção de possíveis erros de digitação.